Universidade do Minho  

             
 
  Autenticação/Login
 
Home
Mapa do Site
Contactos
Como Chegar ao DPS ?
Email de Contacto
   
  imprimir
 

SAVE THE DATE : 1 DE JUNHO
Revoluciona o teu pensamento sobre a indústria!



Inscrição aqui

O campus de Azurém da Universidade do Minho vai receber a segunda edição do evento COMPETIND 4.0, COMPETÊNCIAS PARA A INDUSTRIA 4.0.

Uma tarde cheia de palestras com os melhores nomes da área, seguida de uma mesa redonda de discussão sobre a temática . Não vais querer perder o evento do ano.

PROGRAMA

13:30 - 14:00 - Receção
14:00 -14:15 - Sessão de abertura
14:15 - 14:40 - Critical Manufacturing - Francisco Lobo
14:40 - 15:05 - Bosch Car Multimedia - Pedro Vaz Silva

15:05- 15:30 - Continetal - Jorge Lopes
15:30 - 15:50 - Coffee Break
15:50- 16:15 - Universidade do Minho - Miguel Portela
16:25 - 17-40 - Mesa Redonda
17:40 - 18:00 - Sessão de Encerramento



Pedro Vaz Silva, Responsável pelo setor de Logística na indústria 4.0 da Bosch Car Multimédia.

O nosso convidado é Licenciado em Engenharia e Gestão Industrial pela Universidade do Minho e atualmente aluno do PDEIS da Universidade do Minho e conta com diversas participações em eventos desta temática.

A empresa Bosch Car Multimedia, na qual Pedro Silva trabalha diretamente no setor da Indústria 4.0, atua no setor de desenvolvimento de sistemas para automóveis, com foco nos componentes multimedias. Desta forma, está sempre em contato as inovações presentes no setor industrial e principalmente no desenvolvimento de competências para o sucesso nesta nova revolução industrial.


Jorge Lopes, IT Manager da Direcção de Tecnologias de Informação e especialista em indústria 4.0.

O nosso convidado detém elevada experiência nas áreas de Tecnologias de Informação e Telecomunicações.
Iniciou a sua carreira em 1984 com o projecto de processamento das primeira Listas Telefónicas em formato electrónico na empresa ITT-Yellow Pages. Em 1990 fez parte da equipa de implementação do sistema público de Videotex na empresa TST- Sonae Tec. Informação,tendo em 1993 ingressado na empresa Deltapress-Lusomundo, onde realizou projectos técnicos nas areas de gestão de distribuição e expedição de publicações, incluindo a implementação de uma rede de comunicações de agentes e editores. Em 1998 ingressou na IBM Portugal na qual teve responsabilidade de gestão de alguns contratos de prestação de serviços TI em regime de “outsourcing”. Desde 2005 está ligado ao Continental Mabor, sendo responsável pela direção que assegura a prestação de serviços TI em todas as empresas do grupo em Portugal. Em paralelo tem tido responsabilidade em projectos internacionais, sendo de destacar entre outros a concepção do sistema de reastreabilidade de pneus com a utilização de códigos de barras e gestão de risco em caso de falha dos sistemas de informação.



Miguel Portela, professor associado na Universidade do Minho.

O nosso convidado é Doutorado em Economia pelo Instituto Tinbergen, Universidade de Amesterdão, apresenta afiliações ao NIPE, Núcleo de Investigação em Políticas Económicas e Empresariais, ao CIPES, Centro de Investigação de Políticas do Ensino Superior e, ainda, ao IZA, Institute of Labor Economics, e uma colaboração contínua com o Banco de Portugal.

Apresenta interesses em áreas como a economia do trabalho, economia da educação e econometria aplicada. Conta com um currículo alargado no que toca a publicação de artigos científicos, colaborações com pesquisas por todo o mundo e ainda na liderança de equipas de investigação.

Ao longo da sua carreia adquiriu amplos conhecimentos e experiências sobre o mercado de trabalho em Portugal, podendo dar uma visão das mudanças que a nova revolução industrial traz e quais as competências exigidas ao capital humano.


Francisco Almada Lobo, CEO da empresa Critical Manufacturing e especialista em indústria 4.0.

O nosso convidado é Licenciado em Engenharia Eletrónica e de Computadores (pré-bolonha) pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e MBA em Gestão de Empresas pela Porto Business School.

Francisco Almada Lobo, conta também com várias participações em eventos da temática, inclusive na primeira edição do COMPETind 4.0. Possui um leque de competências essenciais para a discussão e apresentação do tema.

A empresa Critical Manufacturing da qual é CEO, atua no setor Tecnológico de software industrial, nomeadamente nas áreas de Manufacuring Execution Systems (MES), Business Intelligence e Automação. Desta forma, com elevada experiência ao nível dos pilares tecnológicos fundamentais à Indústria 4.0, proporciona aos seus clientes soluções de gestão e controlo de produção e capacita as unidades fabris, para acompanharem as transformações tecnológicas decorrentes do paradigma da Quarta Revolução Industrial.


Marta Catarino, Diretora do Departamento de Transferência de Tecnologia da TecMinho, a interface da Universidade do Minho para a valorização e transferência de conhecimento. Além de coordenar as atividades das unidades de Gestão de Propriedade Industrial, Comercialização de Ciência e Tecnologia e Empreendedorismo, onde coordena uma equipa de 16 pessoas, atua diretamente na negociação e licenciamento de acordos de transferência de tecnologia com empresas, no coaching e business development de novas empresas de base tecnológica e na formação de profissionais de valorização de conhecimento.

Em 2016/17 presidiu à ASTP-Proton, a associação europeia de profissionais de valorização do conhecimento e transferência de tecnologia, que representa cerca de 650 entidades em 41 países, e faz igualmente parte do Conselho de Administração de várias associações Europeias de gestão da inovação e transferência de tecnologia.

A Engenheira Marta Catarino reúne assim todas as competências para moderar de forma ilustre o debate das competências para industria 4.0.

Organização: 
Alunos do Mestrado em Gestão de Projetos de Engenharia, no âmbito da Unidade Curricular de Desenvolvimento de Competências em Gestão de Projetos.


 
  © 2019 Universidade do Minho  - Termos Legais  - actualizado por DPS Símbolo de Acessibilidade na Web D.